A partir dessa quinta-feira (21), a fronteira sul dos Estados Unidos ficará fechada por tempo indeterminado para todos os solicitantes de asilo que tentam entrar pelo norte do México. A impossibilidade de garantir a saúde desses imigrantes em meio à pandemia da COVID19 seria um dos argumentos principais para a medida adotada, a qual já foi prorrogada duas vezes desde março de 2020.

A portaria assinada por Robert Redfiled, diretor do Centro de Controle de Doenças (CDC), apenas estende de maneira indefinida uma prática já anteriormente adotada pelos EUA durante a pandemia. A decisão afeta qualquer pessoa que deseje ingressar no país vinda do Canadá ou México – sendo o perfil principal, famílias sem documentos de imigração válidos e de origem centro-americana.

O governo informou que o risco em reter tantos estrangeiros em campos de detenção na fronteira ajudaria a agravar a contaminação por coronavírus no país, além de temer imigrantes infectados vindos do exterior.

Até o presente momento, os EUA contam com 1.588.322 casos de contaminação, 95.276 mortes e 298.418 pessoas recuperadas, liderando mundialmente os números de infecção e mortes por COVID19.

Smart decisions. Lasting value.

© 2019 Crowe Macro Auditoria e Consultoria Ltda.
Crowe Macro Auditoria e Consultoria Ltda. is a member of Crowe Global, a Swiss verein. Each member firm of Crowe Global is a separate and independent legal entity. Crowe Macro Auditoria e Consultoria Ltda. and its affiliates are not responsible or liable for any acts or omissions of Crowe Global or any other member of Crowe Global.

Mostrar Aviso