O primeiro-ministro russo, Mikhail Mishustin, anunciou hoje (08) a reabertura parcial das fronteiras da Rússia, as quais estavam fechadas desde março devido à pandemia do COVID-19.

Com a nova medida, cidadãos russos terão permissão para sair do país por razões médicas ou profissionais, de acordo com o premiê. Já os estrangeiros poderão entrar em território nacional para a realização de tratamentos médicos ou encontro com parentes.

Desde o fim de março, os vôos internacionais estiveram suspensos na Rússia, exceto por vôos especiais para estrangeiros que desejavam sair do país ou para cidadãos russos que pretendiam retornar ao seu país de origem.

Até o presente momento, a Rússia possui 476.043 casos registrados, 5.963 mortes e 230.226 pessoas recuperadas.

Smart decisions. Lasting value.

© 2019 Crowe Macro Auditoria e Consultoria Ltda.
Crowe Macro Auditoria e Consultoria Ltda. is a member of Crowe Global, a Swiss verein. Each member firm of Crowe Global is a separate and independent legal entity. Crowe Macro Auditoria e Consultoria Ltda. and its affiliates are not responsible or liable for any acts or omissions of Crowe Global or any other member of Crowe Global.