Na noite de ontem (18), o ministro do Turismo Germán Cardoso anunciou a reabertura das fronteiras do Uruguai para turistas da União Europeia em entrevista coletiva após encontro com o presidente, Luis Lacalle Pou. A data ainda não foi definida e deve ser fixada por meio de decreto.

O país mantém suas fronteiras fechadas desde março desse ano, logo após ter constatado os primeiros casos de contaminação por coronavírus em território nacional. Atualmente, apenas nacionais, estrangeiros residentes ou membros de órgãos diplomáticos têm autorização para entrar o país. Além disso, viajantes vinculados a razões humanitárias, reunião familiar ou motivos de trabalho também têm permissão de entrada.

A decisão foi anunciada como forma de mostrar reciprocidade com o bloco europeu, visto que cidadãos uruguaios são os únicos da América Latina que estão autorizados a entrar na UE.

Os pré-requisitos para a entrada de turistas europeus serão possuir resultado negativo para o coronavírus, em teste realizado no máximo 72 horas antes, e permanecer sete dias em quarentena, após a qual será realizado um segundo teste.

Até o dia de hoje, o Uruguai registrou 1.485 casos de contaminação, 45 mortes e 1.219 pessoas recuperadas.

Smart decisions. Lasting value.

© 2019 Crowe Macro Auditoria e Consultoria Ltda.
Crowe Macro Auditoria e Consultoria Ltda. is a member of Crowe Global, a Swiss verein. Each member firm of Crowe Global is a separate and independent legal entity. Crowe Macro Auditoria e Consultoria Ltda. and its affiliates are not responsible or liable for any acts or omissions of Crowe Global or any other member of Crowe Global.